As eleições dos anos 1930

coordenação pré-eleitoral em tempos de voto secreto

Autores

  • Paolo Ricci USP

Palavras-chave:

Vargas; voto secreto; eleições; democracia; partidos; cidadania

Resumo

Este artigo investiga se a previsão do voto secreto em 1932 constitui uma ruptura do modelo adotado na Primeira República, em que os partidos organizavam os eleitores, mobilizando-os e controlando-os no ato de votar. A partir de uma análise dos jornais da época e dos resultados eleitorais da eleição de 1934, constatou-se
o exíguo impacto da reforma. Apesar de a lei determinar que o eleitor votasse em um ambiente isolado, ficou mantida a prática da impressão e distribuição das cédulas pelos partidos. Organizando de forma eficiente a preparação e distribuição delas, candidatos e partidos logravam agregar e mobilizar os eleitores nas eleições.

Downloads

Publicado

2022-01-31