Um olhar sobre o continente: o Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro e o Congresso Internacional de História da América.

Autores

  • Lúcia Maria Paschoal Guimarães

Palavras-chave:

Instituto Histórico Geográfico Brasileiro

Resumo

Fundado em 1838, no Rio de Janeiro, por um grupo de políticos letrados, o Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro (IHGB) transformou-se no reduto intelectual mais importante do Império, desfrutando do mecenato de D. Pedro II. Nos anos subsequentes à proclamação da República, o Instituto, identificado como um órgão vinculado ao "ancien regime", sofreu um período de estagnação. O veterano grêmio, entretanto, voltaria ao primeiro plano do panorama cultural do país, após 1908, sob a liderança do Barão do Rio Branco, quando a Casa da Memória Nacional passou a se direcionar para o estudo da realidade pan-americana. Pretendo examinar esta nova fase ascendente do IHGB, que ultrapassou inclusive a gestão Rio Branco, privilegiando, em especial, as atividades do Congresso Internacional de História da América, realizada em 1922. ( p. 217-231)

Downloads

Publicado

1997-12-01

Edição

Seção

Artigos