Gestão, legislação e fontes de recursos no terceiro setor brasileiro: uma perspectiva histórica

Autores

  • Carlos Eduardo Guerra Silva

Palavras-chave:

terceiro setor, história, gestão, legislação, fontes de recursos.

Resumo

Da origem alicerçada nos princípios da filantropia e da caridade religiosa no séculoXVI à contemporaneidade do marco legal e da gestão orientada ao desempenho,este artigo objetiva demonstrar a trajetória histórica do terceiro setor brasileiro,com foco em seus aspectos de gestão, legislação e fontes de recursos. Em termosmetodológicos, o artigo caracteriza-se como de natureza qualitativa, e a leiturahistórica empreendida fundamenta-se em dados de livros, artigos, documentos, leise relatórios de pesquisa. Para que os elementos-foco da análise fossem visualizadosao longo da história, utilizaram-se diagramas baseados nas árvores hiperbólicas.Entre diversos aspectos levantados, considera-se que ao longo de cinco séculos oterceiro setor veio ampliando seu espaço de atuação, tanto em abrangência quantoem importância. Contudo, foram diversas as mudanças institucionais ocorridas. Asorganizações sem fins lucrativos, ainda que conservem valores como a solidariedadee o altruísmo, também passaram a lidar com lógicas mais instrumentais, auferindoseu desempenho e buscando resultados cada vez mais elevados. Por fim, certos elementoshistóricos são questionados, tendo em vista que podem ter sido retratadossob perspectivas hegemônicas e ideológicas, o que gera a possibilidade de releiturase de desenvolvimento de novos estudos historiográficos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

18-12-2010

Como Citar

Silva, C. E. G. (2010). Gestão, legislação e fontes de recursos no terceiro setor brasileiro: uma perspectiva histórica. Revista De Administração Pública, 44(6), 1301 a 1325. Recuperado de https://bibliotecadigital.fgv.br/ojs/index.php/rap/article/view/6964

Edição

Seção

Artigos