Aprendizagem contestada em ambiente de mudança radical

Conteúdo do artigo principal

Suzana Braga Rodrigues
John Child
Talita Ribeiro da Luz

Resumo

Este artigo oferece uma análise da aprendizagem nas organizações em condições de mudança radical, em que a reestruturação da organização foi motivada por uma mudança na ideologia e na propriedade. Discute-se que, nessas circunstâncias, a aprendizagem não representa necessariamente uma melhoria para o coletivo como um todo. A fonte empírica para este artigo é um estudo de caso da Telemig, uma das principais companhias brasileiras de telecomunicações. A pesquisa empregou múltiplos métodos e fontes permitindo uma investigação do conteúdo e do processo de aprendizagem, e de seus agentes ao longo do tempo. O estudo elabora e ilustra o conceito de “aprendizagem contestada”, concluindo que este necessita ser incorporado à teoria da aprendizagem nas organizações.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Detalhes do artigo

Como Citar
RODRIGUES, S. B.; CHILD, J.; LUZ, T. R. da. Aprendizagem contestada em ambiente de mudança radical. RAE-Revista de Administração de Empresas, [S. l.], v. 44, n. 1, p. 27–43, 2004. Disponível em: https://bibliotecadigital.fgv.br/ojs/index.php/rae/article/view/37318. Acesso em: 23 maio. 2022.
Seção
Fórum
Biografia do Autor

Talita Ribeiro da Luz

  

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)