Voltar aos Detalhes do Artigo Concentração dos atos na matrícula, uma medida necessária? Baixar Baixar PDF