Uma narrativa sobre os cursos superiores em Administração da FACE/UFMG: dos primeiros anos à sua unificação em 1968

Conteúdo do artigo principal

Amon Barros

Resumo

Apresentamos o desenvolvimento dos cursos superiores em Administração da Faculdade de Ciências Econômicas da Universidade Federal de Minas Geraus (Face/UFMG) entre sua fundação e 1968, quando se deu a fusão dos três cursos existentes. O estudo se justifica pelo importante papel que as graduações em Administração têm e tiveram para disseminar o management. Lançamos luz sobre a história dos cursos de Administração da FACE/UFMG, destacando o estabelecimento de seus cursos de Administração Pública e Sociologia e Política, em 1952, e de Administração de Empresas, em 1954. Destacamos, ainda, a saída da FACE/UFMG do acordo de 1959, envolvendo outros cursos superiores que existiam ou estavam para ser criados no país. Sequencialmente, apresentamos um panorama de trajetória dos cursos superiores em Administração da FACE/UFMG na década de 1960, que culminou em sua unificação em 1968. Concluímos afirmando a importância de resgatar a história dos cursos de graduação como uma das maneiras para compreender o cenário atual da área, bem a necessidade de considerar o desenvolvimento da Administração no Brasil um processo não natural e repleto de complexidades, que deve ser analisado de uma perspectiva aberta à interação entre fatores internos e externos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Detalhes do artigo

Como Citar
Barros, A. (2014). Uma narrativa sobre os cursos superiores em Administração da FACE/UFMG: dos primeiros anos à sua unificação em 1968. Cadernos EBAPE.BR, 12(1), 7 a 25. Recuperado de https://bibliotecadigital.fgv.br/ojs/index.php/cadernosebape/article/view/9178
Seção
Artigos
Biografia do Autor

Amon Barros, EAESP/FGV

Professor da EAESP/FGV.