Identidades naufragadas: o impacto das organizações na (re)construção do universo simbólico dos ribeirinhos de Salto Santiago

Conteúdo do artigo principal

Adriana Vinholi Rampazo
Elisa Yoshie Ichikawa

Resumo

Para a construção da Usina Hidrelétrica Salto Santiago, localizada na região centro-sul do Paraná na década de 1970, foi necessário deslocar os ribeirinhos que ali viviam para dar lugar ao seu reservatório. Este artigo tem por objetivo analisar o papel de diferentes organizações na (re)construção da identidade dos ribeirinhos deslocados compulsoriamente de seus territórios para dar lugar a esse reservatório. Para tanto, leva-se em conta que a identidade é construída e reconstruída dentro do espaço social a partir do desejo do Outro que, ao ser reconhecido pelo sujeito como legítimo, internaliza suas práticas, ações e visão de mundo e, portanto, seu habitus. Em termos metodológicos, foi conduzido um estudo qualitativo que envolveu levantamento documental e entrevistas semiestruturadas utilizando as técnicas da história oral com os ribeirinhos e com os representantes das principais organizações presentes hoje no local. Os dados coletados foram interpretados a partir das regras da hermenêutica filosófica de Gadamer, interligando o individual ao geral, e vice-versa, assim como o objetivo com o subjetivo. Por fim, em termos de conclusões, com base na história contada pelos ribeirinhos e pelos representantes das organizações pesquisadas, mostra-se como se deu a (re)construção das identidades dos ribeirinhos naquele espaço. Assim, foi possível constatar como a construção da Usina Salto Santiago e o consequente deslocamento de parte dos ribeirinhos produziu, devido à entrada de novas organizações naquele território, modificações em suas identidades.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Detalhes do artigo

Como Citar
Rampazo, A. V., & Ichikawa, E. Y. (2013). Identidades naufragadas: o impacto das organizações na (re)construção do universo simbólico dos ribeirinhos de Salto Santiago. Cadernos EBAPE.BR, 11(1), 104 a 127. Recuperado de https://bibliotecadigital.fgv.br/ojs/index.php/cadernosebape/article/view/7865
Seção
Artigos