Entre o sagrado e o profano: identidades, paradoxos e ambivalências de prostitutas evangélicas do baixo meretrício de Belo Horizonte

Conteúdo do artigo principal

Jefferson Rodrigues Pereira
José Vitor Palhares dos Santos
Alice Gerlane Cardoso da Silva
Kely Cesar Martins de Paiva
Alexandre de Pádua Carrieri

Resumo

Análise da construção das identidades de prostitutas evangélicas que trabalham em uma zona do “baixo meretrício” da cidade de Belo Horizonte, Minas Gerais. Para tanto, desenvolveu-se um estudo exploratório de abordagem qualitativa com entrevistas em profundidade com 17 prostitutas evangélicas, cujo corpus discursivo foi trabalhado mediante a proposta teórico-metodológica da Análise Linguística do Discurso. Dentre os principais resultados alcançados, destacam-se um profundo sentimento de culpa e, em alguns casos, dor e sofrimento das prostitutas evangélicas, dado o paradoxo de comungar de valores e crenças pessoais intrinsecamente opostas às práticas de seu ofício. Contudo, questões mais objetivas, como o sustento e a manutenção própria e da família, levaram-nas a se sujeitarem a esta realidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Detalhes do artigo

Como Citar
Pereira, J. R., Santos, J. V. P. dos, Silva, A. G. C. da, Paiva, K. C. M. de, & Carrieri, A. de P. (2020). Entre o sagrado e o profano: identidades, paradoxos e ambivalências de prostitutas evangélicas do baixo meretrício de Belo Horizonte. Cadernos EBAPE.BR, 18(2), 391–405. https://doi.org/10.1590/1679-395177568
Seção
Artigos
Biografia do Autor

Jefferson Rodrigues Pereira, Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG

Doutorando em Administração no Centro de Pós-Graduação e Pesquisas em Administração (CEPEAD) da Faculdade de Ciências Econômicas da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Mestre em Administração pelo Centro Universitário Unihorizontes. Foi bolsista de Mestrado da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (FAPEMIG). Graduado em Administração pelo Centro Universitário Unihorizontes. Pesquisador no Núcleo de Estudos sobre Comportamento, Pessoas e Organizações (NECOP) da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

José Vitor Palhares dos Santos, Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG

Doutorando e mestre em Administração pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), na linha de pesquisa Estudos Organizacionais e Sociedade. Foi professor substituto de Administração no Instituto Federal de Minas Gerais (IFMG). É membro da Sociedade Brasileira de Estudos Organizacionais (SBEO) e pesquisador do Núcleo de Estudos Organizacionais e Sociedade (NEOS) e do Grupo de Gestão e Formação Profissional (GEFORP). Atua como professor, pesquisador e consultor nas áreas de Estudos Organizacionais e na de Gestão de Pessoas e Relações de Trabalho. Administrador de Empresas graduado pela Universidade Federal de Lavras (UFLA), na qual obteve destaque com o prêmio de Mérito Acadêmico oferecido pela Instituição. Estagiou no setor de Logística da Gerdau Aços Longos (2013) e no de Faturamento da Expresso Nepomuceno (2011). Foi bolsista do Programa de Educação Tutorial - PET Administração (2010-2013), onde atuou como coordenador de Finanças e Contabilidade (2010-2012) e de Gestão de Pessoas (2012-2013) do programa, além de ter sido membro da comissão organizadora do Simpósio Nacional de Administração - SiNAd, exercendo, dentre outras funções, a de coordenador da Comissão de Comitê Científico do evento. Já trabalhou também como consultor organizacional pela UFLA Júnior Consultoria Administrativa (2009-2010).

Alice Gerlane Cardoso da Silva, Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG

Doutoranda em Administração pelo Centro de Pós-Graduação e Pesquisas em Administração (CEPEAD) da UFMG. Mestre em Administração pelo Programa de Pós-Graduação em Administração (PPGA) da UFPB e Membro do Núcleo de Estudos sobre Comportamento, Pessoas e Organizações (NECOP - UFMG) e do Núcleo de Estudos sobre Estado, Trabalho e Sociedade (NETS - UFPB). Sou Graduada em Administração pela Universidade Federal de Campina Grande - UFCG. Minha linha de pesquisa e atuação envolvem uma discussão sobre Trabalho, Gestão de Pessoas, Comportamento Organizacional, Sociedade, Estado e Cultura Organizacional. No campo da pesquisa, sou autora e co-autora de artigos apresentados e publicados em anais de eventos e periódicos nacionais.

Kely Cesar Martins de Paiva, Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG

Doutora, Mestre e Bacharel em Administração (UFMG, 2007, 1999, 1992). Professora (Adjunto III) e Pesquisadora, Departamento de Ciências Administrativas (CAD), Centro de Pós-graduação e Pesquisa em Administração (CEPEAD), Faculdade de Ciências Econômicas (FACE), Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Coordenadora do Núcleo de Estudos sobre Comportamento, Pessoas e Organizações (Necop - UFMG) e membro do Núcleo de Relações de Trabalho e Tecnologias de Gestão (Nurteg ? FNH) e do Núcleo de estudos sobre Estado, Trabalho e Sociedade (Nets, UFPB). Avaliadora de diversos periódicos e eventos nacionais e internacionais. Temas de interesses em pesquisa: Gestão de Pessoas e Relações de Trabalho (temas comportamentais, como QVT, estresse, burnout, valores, justiça, atitude retaliatória, comprometimento; competências profissionais e gerenciais; diversidade; relação de poder, relações de trabalho, assédio) e Ensino e Pesquisa em Administração (competências profissionais e docentes; educação a distância). Contextos e públicos de interesse em pesquisa: jovens trabalhadores; call center, organizações e instituições de ensino públicas e privadas. Editora de edições especiais das Revistas Gestão e Planejamento (Unifacs, tema -O Universo das Organizações de Educação Superior e suas Dimensões-, 2010) e Teoria e Prática em Administração (UFPB, tema -Comportamento Organizacional e Diversidade-, 2013). Ex-líder do tema 05 (Prazer e sofrimento no trabalho) e do tema 11 (Gestão de Pessoas e Elementos do Comportamento Organizacional) da divisão acadêmica GPR - Gestão de Pessoas e Relações de Trabalho, da ANPAD (2013-2018). Atualmente: subcoordenadora do CEPEAD (UFMG).

Alexandre de Pádua Carrieri, Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG

É Professor Titular UFMG. Doutor em Administração pela Universidade Federal de Minas Gerais (2001). Desde 2002 é Professor da Universidade Federal de Minas Gerais/Face/Cad/Cepead. Coordenador do NEOS - Núcleo de Estudos Organizacionais e Sociedade. Atua na linha de pesquisa: Estudos Organizacionais e Sociedade (Cepead). Foi editor da Revista G&S (Gestão e Sociedade); Participou como membro suplente, depois titular e coordenador do Comitê de Assessoramento de Administração, Economia e Contabilidade do CNPq. Foi coordenador da divisão acadêmica de EOR da Anpad. Foi integrante do Projeto Microbacias Hidrográficas do Estado de São Paulo

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>