Entre consensos e discordâncias: estratégias de legitimação no campo burocrático do Estado em ação nas favelas

Conteúdo do artigo principal

Vanessa Brulon
Alketa Peci

Resumo

Este artigo analisa as estratégias de legitimação utilizadas pelos agentes do campo do Estado em ação nas favelas, com vistas a trazer luz às disputas no campo. Com base na perspectiva teórica de Pierre Bourdieu, em uma pesquisa de campo de inspiração etnográfica realizada em duas favelas cariocas, foi possível investigar, por meio de análise retórica, o discurso dos agentes do campo, buscando acessar as estratégias de legitimação por eles utilizadas. O trabalho avança ao apontar as lógicas por trás dos discursos dos agentes como forças que impulsionam e moldam a dinâmica do campo. Ainda, o uso de argumentos de presença por todos os agentes do campo aponta a necessidade da apresentação de resultados materiais derivados de ações desempenhadas por agentes do Estado. Acima de tudo, a existência de disputas, guiadas por lógicas diversas, revelam que há uma liberdade fundamental para pensamentos e premissas diferentes, em nome de um mesmo Estado.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Detalhes do artigo

Como Citar
Brulon, V., & Peci, A. (2019). Entre consensos e discordâncias: estratégias de legitimação no campo burocrático do Estado em ação nas favelas. Cadernos EBAPE.BR, 17(3), 474–494. Recuperado de https://bibliotecadigital.fgv.br/ojs/index.php/cadernosebape/article/view/74048
Seção
Artigos
Biografia do Autor

Vanessa Brulon, Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)

Mestre em administração pública pela EBAPE/FGV e doutora em administração pela EBAPE/FGV.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)