Os Significados da Virtualização do Trabalho: Manifestações Discursivas das Percepções Tecnológicas, Processuais e Pessoais nas Relações Intraorganizacionais

Conteúdo do artigo principal

Daniel Jardim Pardini
Carlos Alberto Gonçalves
Angela Maria Martins Paiva
Alexandre Teixeira Dias

Resumo

O construto virtualização, mesmo com a intensificação das pesquisas sobre o tema na área de gestão da tecnologia da informação, demanda ainda de estudos que explorem os seus significados no ambiente das organizações e nas relações de trabalho.  O objetivo deste artigo é analisar, a partir dos discursos dos atores que exercem o trabalho virtual, percepções sobre a tecnologia, os processos e comportamentos manifestados no uso da virtualização. No processo investigativo utilizou-se da análise de discurso, método ainda pouco aplicado nas pesquisas de administração de sistemas da informação. Por meio da técnica do interdiscurso foi possível explorar os discursos da presidência, da diretoria, da gerência e dos operadores que atuam com atividades virtuais em uma organização de tecnologia de informação. Os resultados reforçam as contribuições teóricas sobre a dificuldade por parte dos envolvidos, em aceitarem a total desvinculação presencial do trabalho em função da necessidade da sociabilidade. A busca de formulação de processos mais rígidos que garantam o controle das tarefas realizadas virtualmente, a preocupação com uma comunicação efetiva e o novo papel que o gestor deve assumir no ambiente virtual foram algumas das manifestações evidenciadas no estudo, que contribui para ampliar as evidências empíricas sobre a gestão da virtualização do trabalho.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Detalhes do artigo

Como Citar
Pardini, D. J., Gonçalves, C. A., Paiva, A. M. M., & Dias, A. T. (2013). Os Significados da Virtualização do Trabalho: Manifestações Discursivas das Percepções Tecnológicas, Processuais e Pessoais nas Relações Intraorganizacionais. Cadernos EBAPE.BR, 11(1), 85 a 103. Recuperado de https://bibliotecadigital.fgv.br/ojs/index.php/cadernosebape/article/view/7194
Seção
Artigos
Biografia do Autor

Daniel Jardim Pardini, Universidade FUMEC

Professor das Universidades Fumec. Coordenador dos programas de pós-graduação na Universidade Fumec. Professor do Programa de Doutorado e Mestrado em Administração da FACE-FUMEC e do Curso de Mestrado Profissional em Sistemas de Informação e Gestão do Conhecimento da Universidade FUMEC. Interesses de pesquisa: gestão de sistemas de informação, aprendizagem inter-organizacional, empreendedorismo, governança corporativa e fusões e aquisições.

Carlos Alberto Gonçalves, Universidade FUMEC & UFMG

Professor das Universidades Fumec e Ufmg. Coordenador do NUME - Nucleo de ensino e pesquisa em mercadologia e estratégia.

Angela Maria Martins Paiva, Universidade FUMEC

Professora e mestre na Universidade FUMEC. Pesquisadora de Sistemas de Informações e ontologias de sistemas na FUMEC.

Alexandre Teixeira Dias, Iniversidade FUMEC

Professor na Universidade FUMEC no Programa de Mestrado e Doutorado em Administração. Pesquisa em temas de desempenho, estratégia, estratégia competitiva, competição e APL´s.