Show simple item record

dc.contributor.advisorMotta, Paulo Roberto
dc.contributor.authorGomes, Leonardo Rufino de Oliveira
dc.date.accessioned2020-10-23T17:08:17Z
dc.date.available2020-10-23T17:08:17Z
dc.date.issued2020-09-16
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/10438/29767
dc.description.abstractObjetivo: O estudo tem por objetivo geral elucidar, sob o filtro hermenêutico de algumas das teorias motivacionais, se a implementação do teletrabalho impacta negativamente a evasão de pessoas no serviço público. Como objetivos específicos têm-se: a) identificar as vantagens e desvantagens do teletrabalho na ótica do servidor nesse regime; b) constatar se o teletrabalho constitui fator de satisfação no serviço público; e c) aferir a prevalência, ou não, do teletrabalho sobre fatores indutores da evasão no serviço público. Metodologia: A pesquisa de campo, realizada no âmbito da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional, foi conduzida sob abordagem qualitativa, com dados coletados por entrevistas semiestruturadas realizadas com procuradores da Fazenda Nacional, e analisados com pelo método de análise de conteúdo. Resultados: Foi demonstrado, sob o filtro de algumas das teorias motivacionais, que o teletrabalho tem relevância na diminuição da evasão de pessoas no serviço público, ao menos em relação à carreira de procurador da Fazenda Nacional. Limitações: Uma abordagem complementar quantitativa do problema de pesquisa poderia trazer mais robustez à validade empírica dos achados deste trabalho. Além disso, por delimitado à carreira de procurador da Fazenda Nacional, a ampliação dos resultados poderá ser válida apenas para carreiras outras que guardem semelhanças com aquela. Contribuições práticas: O estudo indica que o teletrabalho traz benefícios recíprocos aos servidores e à Administração (em específico, aqui, a redução da evasão), podendo assim contribuir para o convencimento da alta gerência administrativa na tomada de decisão acerca do tema. Contribuições sociais: A redução da evasão de talentos na Administração, mediante eventual ampliação do teletrabalho, poderá contribuir com o ganho de desempenho na prestação do serviço público, especialmente em locais remotos e em unidades de difícil provimento. Originalidade: Pelo nosso conhecimento, este é o primeiro estudo que correlaciona o teletrabalho isoladamente com a diminuição da evasão no serviço público.por
dc.description.abstractPurpose: The main purpose of the study is to elucidate, under the hermeneutic filter of some of the motivational theories, if the implementation of telework negatively impacts leaving rates in the public service in the public service. The specific purposes are: a) to identify the advantages and disadvantages of telework from the perspective of the public employee; b) to verify whether telework is a factor of satisfaction in the public service; and c) to assess the prevalence, or not, of telework on factors that induce employee exit in the public service. Methodology: The field research, carried out within the scope of the Attorney General's Office for the National Treasury, was conducted under a qualitative approach, with data collected through semi-structured interviews conducted with attorneys for the National Treasury, and analyzed using the content analysis method. Findings: It was demonstrated, under the filter of some of the motivational theories, that telework has relevance in reducing exit rates in the public service, at least regarding to the career of attorney for the National Treasury. Research Limitations: A complementary quantitative approach to the research problem could bring more strength to the empirical validity of the findings of this work. In addition, as limited to the career of attorney for the National Treasury, the expansion of the research results may be valid only for similar careers. Practical implications: The study indicates that telecommuting brings reciprocal benefits to the public servants and to the Administration (in particular, here, the reduction of leaving rates), thus being able to contribute to convince the high public managers in the decision making process on this subject. Social implications: Reducing the exit of talented people, through an eventual teleworking expansion, may contribute to the performance gain in the provision of public services, notably in remote places and in government units whose personnel provision is difficult. Originality: To our knowledge, this is the first study that correlates telework with reducing exit rates in the public service.eng
dc.language.isopor
dc.subjectServiço públicopor
dc.subjectTeletrabalhopor
dc.subjectMotivaçãopor
dc.subjectEvasão de pessoaspor
dc.subjectPublic serviceeng
dc.subjectTelework; motivationeng
dc.subjectPersonnel exiteng
dc.titleO teletrabalho como redutor da evasão de pessoas no serviço público: uma análise na Procuradoria-Geral da Fazenda Nacionalpor
dc.typeDissertationeng
dc.subject.areaAdministração públicapor
dc.contributor.unidadefgvEscolas::EBAPEpor
dc.subject.bibliodataTeletrabalho – Brasilpor
dc.subject.bibliodataAdministração pública – Brasilpor
dc.subject.bibliodataServiço público – Brasil – Evasãopor
dc.subject.bibliodataMotivação no trabalhopor
dc.degree.date2020-09-16
dc.contributor.memberCunha, Armando
dc.contributor.memberSalles, Denise Medeiros Ribeiro


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record