Show simple item record

dc.contributorCentro de Estudos em Sustentabilidade (GVces)
dc.contributorInternational Finance Corporation (IFC)
dc.date.accessioned2017-07-31T17:26:02Z
dc.date.available2017-07-31T17:26:02Z
dc.date.issued2016
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10438/18551
dc.description.abstractA instalação de grandes projetos de infraestrutura e mineração na Amazônia é acompanhada por atividades de retirada da vegetação, previstas e autorizadas pelos órgãos licenciadores. As dificuldades para destinação deste material fazem com que o mesmo acabe por degradar-se nos pátios de armazenagem. A depender do porte do empreendimento, trata-se de um volume substancial de madeira que, se bem aproveitado, poderia beneficiar cadeias florestais legais e a produção energética menos poluente.por
dc.language.isopor
dc.publisherCentro de Estudos em Sustentabilidade (FGVces)
dc.relation.ispartofseriesGrandes obras na Amazônia: aprendizados e diretrizespor
dc.subjectDesenvolvimento sustentável - Amazôniapor
dc.subjectDesmatamentopor
dc.subjectExploração florestalpor
dc.subjectMadeira - Exploraçãopor
dc.subjectLicenças ambientaispor
dc.titleResumo das discussões: Supressão Vegetal Autorizadapor
dc.typeTechnical Reporteng
dc.subject.areaAdministração de empresaspor
dc.contributor.unidadefgvEscolas::EAESPpor
dc.subject.bibliodataDesenvolvimento sustentável - Amazôniapor
dc.subject.bibliodataDesmatamento - Controlepor
dc.subject.bibliodataExploração florestalpor
dc.subject.bibliodataMadeira - Exploraçãopor
dc.subject.bibliodataLicenças ambientaispor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record