Show simple item record

dc.contributorFundação Getulio Vargas. Diretoria de Análise de Políticas Públicas
dc.contributor.authorKlein, Cristian
dc.date.accessioned2016-02-01T11:23:49Z
dc.date.available2016-02-01T11:23:49Z
dc.date.issued2015-12-23
dc.identifier.citationKLEIN, C. Jovens são os mais 'gastadores' no Simulador Orçamentário. Valor, São Paulo, A4, 23 dez. 2015.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10438/15125
dc.description.abstractA idade pesa. Mas não quando o assunto é quem decide sobre os gastos públicos. Os resultados finais do Simulador Orçamentário, serviço disponibilizado aos leitores do Valor por 45 dias, no site e no Valor PRO, mostram que quanto mais alta a faixa etária, mais enxuta e superavitária é a proposta alternativa ao Orçamento de 2016. Tal como um jogo, o desafio foi o de, pelo menos, zerar o déficit de R$ 30 bilhões apresentado pelo governo federal, em agosto, ao Congresso. Na média, os 1.259 participantes geraram um superávit de R$ 24,7 bilhões bastante próximo à meta de R$ 24 bilhões aprovada neste mês na Comissão Mista de Orçamento. Para isso, realizaram um corte médio de R$ 50 bilhões nas despesas e aumentaram impostos em R$ 5,14 bilhões.por
dc.language.isopor
dc.subjectOrçamento federalpor
dc.subjectFerramentapor
dc.subjectSimuladorpor
dc.subjectLOApor
dc.subjectOrçamento 2016por
dc.subjectComissão Mista de Orçamentopor
dc.titleJovens são os mais 'gastadores' no Simulador Orçamentáriopor
dc.typeArticleeng
dc.subject.areaCiência políticapor
dc.contributor.unidadefgvDemais unidades::DAPPpor
dc.subject.bibliodataBrasil. Congresso. Comissão Mista de Orçamentopor
dc.subject.bibliodataOrçamento - Brasilpor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record