Logomarca da FGV

Repositório FGV de Periódicos e Revistas

Circulação de idéias e construção nacional: Ronald de Carvalho no Itamaraty

André Botelho

Resumo


O trabalho recupera o papel do Itamaraty no processo de circulação de idéias e de construção nacional no Brasil. Para tanto, analisa a atuação intelectual de Ronald de Carvalho na instituição nos anos 1920-30. A hipótese é que o Ministério das Relações Exteriores brasileiro constituiu também, no período, importante espaço social no âmbito da estrutura burocrática do Estado, que pôde favorecer a transformação de idéias em atitudes socialmente compartilhadas. Argumenta que a atuação de Ronald de Carvalho na instituição contribuiu para a rotinização de uma ideologia autoritária de Estado no Brasil.

Palavras-chave


Política

Texto completo:

pdf


Direitos autorais

 

Revista Estudos Históricos
Uma publicação do Programa de Pós-Graduação em História, Política e Bens Culturais (PPHPBC) da Escola de Ciências Sociais (CPDOC) da Fundação Getulio Vargas (FGV)
 

eh@fgv.br