Logomarca da FGV

Repositório FGV de Periódicos e Revistas

Avaliação de Impacto das Guardas Municipais Sobre a Criminalidade com o uso de Tratamentos Binários, Multivalorados e Contínuos

Oliveira Alves Pereira Filho, Maria da Conceição Sampaio de Sousa, Patrick Franco Alves

Resumo


Avaliamos se a implantação de Guardas Municipais – GMs melhorou os indicadores de segurança pública dos entes que as adotaram. Utilizando dados municipais, foram testadas diversas estratégias de identificação baseadas na literatura de resultados potenciais, com foco nos tratamentos sob a ótica binária, a multivalorada discreta e a contínua. Os principais resultados indicam que, apenas nos Municípios pequenos e médios, possuir uma GM com alguns anos de atividade pode representar até 30% menos homicídios do que em seus congêneres do grupo de controle, o que é equivalente a até -4,8 mortes por 100 mil habitantes. Em sentido contrário, a existência de GMs parece não impactar as taxas de roubos e furtos de veículos, nossa proxy para os crimes contra o patrimônio.

Palavras-chave


Guardas Municipais; Segurança Pública; PSM; Diferenças-em-Diferenças; Tratamentos Multivalorados; GPS; Dose-Resposta

Texto completo:

PDF


Fundação Getulio Vargas  EPGE - Praia de Botafogo 190, 11º andar - Tel.: (21) 3799-5831

 

ISSN 0034-7140 (print) ISSN 1806-9134 (online)