Logomarca da FGV

Repositório FGV de Periódicos e Revistas

Determinantes do risco de crédito rural no Brasil: uma crítica às renegociações da dívida rural

Lucas Braga de Melo, Moisés de Andrade Resende Filho

Resumo


Identificamos os determinantes da inadimplência no Sistema Nacional de Crédito
Rural do Brasil, utilizando o procedimento ARDL defasagens distribuídas
testes de limites para cointegração de Pesaran, Shin & Smith (2001) e testes de
causalidade de Granger de Toda & Yamamoto (1995). Os resultados mostraram
que taxa de juros de referência, setor externo e ciclo de negócios não afetam
inadimplência; maior razão preços pagos por preços recebidos pela agricultura
aumenta inadimplência; os processos políticos de renegociação da dívida rural
induzem endividamento, risco moral e seleção adversa; e a relação inadimplência
e determinantes retorna ao equilíbrio de longo prazo em 19 dias.


Palavras-chave


risco de crédito, inadimplência, crédito rural, modelagem ARDL.

Texto completo:

PDF


Fundação Getulio Vargas / EPGE - Praia de Botafogo 190, 11º andar - Tel.: (21) 3799-5831

 

e-ISSN 0034-7140