Logomarca da FGV

Repositório FGV de Periódicos e Revistas

Accountability: já podemos traduzi-la para o português?

José Antonio Gomes de Pinho, Ana Rita Silva Sacramento

Resumo


O objetivo principal deste artigo é verificar se as alterações políticas, sociais e institucionais(ocorridas no Brasil) contribuíram para que a tradução da palavra accountabilitygerminasse no solo brasileiro, tendo transcorrido duas décadas desde apublicação do instigante artigo de Anna Maria Campos sobre a ausência desse conceitono Brasil. Trata-se de estudo de natureza exploratória, analítica e descritiva, numaabordagem essencialmente qualitativa, em que se procurou, além de compreendero significado da palavra accountability nos dicionários e nos trabalhos sucessivos aode Campos, analisar, por meio da literatura especializada, as principais mudançasprocessadas no cenário brasileiro, especialmente quanto à organização da sociedade,descentralização e transparência governamental e quanto à emergência de novosvalores sociais em substituição aos tradicionais. Reconhecendo que avanços têm sido realizados nessa direção, admite-se ser difícil dar uma resposta conclusiva à questãoformulada. Considera-se que estamos mais perto da resposta do que quando Camposse defrontou com o problema, mas ainda muito longe de construir uma verdadeiracultura de accountability.

Palavras-chave


accountability; democracia; Estado brasileiro.

Texto completo:

PDF


Patrocinadores
          
 
Rua Jornalista Orlando Dantas, 30 - Sala 107, Botafogo - Rio de Janeiro - RJ/Brasil  CEP: 22231-010 | Telefone: (21) 30832731 | rap@fgv.br