BSC e a estrutura de atributos da conta bilidade gerencial: uma análise no ambiente brasileiro

Autores

  • Fábio Frezatti
  • Tania Regina Sordi Relvas
  • Emanuel Junqueira

Palavras-chave:

Balanced scorecard, contabilidade gerencial, controle gerencial, desempenho empresarial, atributos da contabilidade

Resumo

Este artigo tem por objetivo investigar se existe associação entre a estrutura de atributos da contabilidade gerencial e a existência do balanced scorecard (BSC) em empresas brasileiras. A pesquisa utilizou a estrutura de atributos da contabilidade gerencial desenvolvida por Chenhall e Morris (1986) e aperfeiçoada por Moores e Yuen (2001). Por meio dessa associação, buscou-se identificar as características das empresas que implantaram ou estão em fase de implementação do BSC e analisar as possíveis causas para sua pouca utilização. Foi possível identificar relações significativas entre a implantação do BSC e os atributos da contabilidade gerencial em três dos quatro grupos de empresas discriminados pelas variáveis de questionamento. A utilidade do conhecimento revelado reside no potencial de orientação aos gestores quanto aos requisitos e condições estruturais para uso do BSC, diminuindo o risco de insucesso e facilitando a implementação.

Publicado

01-04-2010

Como Citar

FREZATTI, F.; RELVAS, T. R. S.; JUNQUEIRA, E. BSC e a estrutura de atributos da conta bilidade gerencial: uma análise no ambiente brasileiro. RAE-Revista de Administração de Empresas, v. 50, n. 2, p. 187-198, 1 abr. 2010.

Edição

Seção

Artigos