Logomarca da FGV

Repositório FGV de Periódicos e Revistas

Teoria Ator-Rede: novas perspectivas e contribuições para os estudos de consumo

Camila Braga, Maribel Suarez

Resumo


Nota-se um crescimento do uso da Teoria do Ator-Rede (TAR) em várias subáreas da administração, como organizações, estratégia e marketing. No último campo, entretanto, o uso dessa abordagem ainda se concentra nos estudos internacionais. O presente trabalho tem por objetivo apresentar a TAR e como ela pode contribuir para o campo de pesquisa do consumo no Brasil, tendo em vista seu olhar singular para a relação entre os indivíduos e as coisas, suas interações e trajetórias. Visa, assim, a explorar o apanhado de temáticas e contribuições já alcançadas, a aplicação de métodos, bem como críticas e comparações ontológicas acerca do olhar sobre o social e atores envolvidos. Finalmente, discutem-se possibilidades para caminhos futuros abertos pela TAR, evidenciando como seus recursos podem rejuvenescer a pesquisa de marketing ao focar seu olhar nos aprendizados coletivos e mundanos, que superam conexões cognitivas, econômicas e culturais, a partir da ênfase nos aspectos da sociomaterialidade contida na cena de consumo e seu entorno. A partir da investigação exaustiva dos atores e de suas conexões diretas, a TAR descortina descobertas a respeito daquilo que é singular, mas também universal, nos estudos desenvolvidos por pesquisadores brasileiros.

Palavras-chave


Ontologia orientada ao objeto. Teoria Ator-Rede. TAR. Consumo.

Texto completo:

PDF PDF (English)


Apoio
        
Rua Jornalista Orlando Dantas, 30 - sala 107, Botafogo - Rio de Janeiro - RJ/Brasil  CEP: 22231-010 | Telefone: +55 (21) 3083-2731 | E-mai: cadernosebape@fgv.br