Gestão de pessoas na indústria criativa: o caso dos estúdios de animação brasileiros

Autores

  • Marta Corrêa Machado Universidade Federal de Santa Catarina
  • André Luiz Fischer Universidade de São Paulo / Faculdade de Faculdade de Economia Administração e Contabilidade, São Paulo – SP

Palavras-chave:

Indústria criativa, Animação, Gestão de pessoas

Resumo

Esta pesquisa visa entender a gestão de pessoas na indústria criativa a partir do estudo de um de seus segmentos, os estúdios de anima­ção. Partindo da conceituação de Chaston (2008) de indústria criativa como o encontro entre negócio e cultura, observou-se o dilema entre a realização artística e os objetivos comerciais presente também nesse segmento da indústria. No estudo, pudemos aprofundar o entendi­mento sobre como esse dilema se reflete na operação da gestão de pessoas nesses estúdios brasileiros. Para entender essa questão foi con­duzida uma pesquisa qualitativa através de estudos de casos em quatro produtoras nacionais nos quais foram entrevistados um funcionário e um sócio de cada empresa. Os dados encontrados apontam que ainda é incipiente a gestão de pessoas nesses ambientes, embora esteja presente a noção de que esses são os recursos principais que movem essas empresas. Foi observado ainda que a retenção dos colaborado­res ocorre muito mais pela sua identificação com a atividade em si do que por outras retribuições, como salário ou garantias trabalhihstas.

Biografias Autor

Marta Corrêa Machado, Universidade Federal de Santa Catarina

Graduada em Jornalismo pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul e mestre em Administração pela Faculdade de Economia Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo. Atualmente é professora e pesquisadora do Curso de Cinema da Universidade Federal de Santa Catarina.

André Luiz Fischer, Universidade de São Paulo / Faculdade de Faculdade de Economia Administração e Contabilidade, São Paulo – SP

Graduado em Ciências Políticas e Sociais, mestre em Ciências Sociais e doutor em Administração de Empresas pela Faculdade de Economia Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo.  Atualmente é professor e pesquisador da Faculdade Economia Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo.

Publicado

24-03-2017

Como Citar

Machado, M. C., & Fischer, A. L. (2017). Gestão de pessoas na indústria criativa: o caso dos estúdios de animação brasileiros. Cadernos EBAPE.BR, 15(1), 132-151. Recuperado de http://bibliotecadigital.fgv.br/ojs/index.php/cadernosebape/article/view/53019

Edição

Seção

Artigos