Show simple item record

dc.contributor.authorKume, Leandro
dc.contributor.authorNeri, Marcelo Côrtes
dc.date.accessioned2008-05-13T15:41:08Z
dc.date.available2008-05-13T15:41:08Z
dc.date.issued2007-12-01
dc.identifier.issn0104-8910
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10438/921
dc.description.abstractSegurança no trânsito é uma preocupação constante de todos os governos. Se por um lado evita a perda de capital humano através da redução do número de mortos e feridos em acidentes de trânsito, por outro, diminuí os custos hospitalares. Através de dados em painel para estados brasileiros, este trabalho apresenta evidências de que o Código Brasileiro de Trânsito, em vigor a partir de 1998, reduziu as mortes de trânsito no Brasil em pelo menos 5% através de punições mais severas. Isso representa mais de 14 mil vidas salvas entre 1998 e 2004. As mulheres demonstram uma maior sensibilidade a leis de trânsito mais rígidas em relação aos homens. Além disso, existe uma diferença das mortes de trânsito entre sexos que é explicada pela concentração de rapazes na população. As estimativas apontam que a proporção de homens entre 15 e 29 anos é responsável por um aumento em torno de 0,30 das mortes de trânsito por 100 mil habitantes.por
dc.language.isopor
dc.publisherEscola de Pós-Graduação em Economia da FGVpor
dc.relation.ispartofseriesEnsaios Econômicos;660por
dc.subjectCódigo de trânsitopor
dc.subjectAcidentes de trânsitopor
dc.titleÉ possível reduzir as mortes no trânsito? O efeito do novo Código Brasileiro de Trânsitopor
dc.typeWorking Papereng
dc.subject.areaEconomiapor
dc.contributor.unidadefgvEscolas::EPGEpor
dc.subject.bibliodataSegurança de trânsito - Brasilpor
dc.subject.bibliodataAcidentes de trânsito - Brasilpor
dc.contributor.affiliationFGV


Files in this item

Thumbnail
Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record