Show simple item record

dc.contributor.advisorSantos, Ynaê Lopes dos
dc.contributor.authorMagalhães, Denise Tenório de
dc.date.accessioned2019-07-09T13:04:14Z
dc.date.available2019-07-09T13:04:14Z
dc.date.issued2019-05-28
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/10438/27692
dc.description.abstractThis research aims to reflect on ways to use the Arthur Bispo do Rosario's collection, by the Bispo do Rosário contemporary art's museum, in the purpose of creating inclusion. To achieve this goal, it must reflect about the life's trajectory of Arthur Bispo do Rosário, excluded from the society to world-renowned artist; it was also searched to know the Colonia Juliano Moreira' s history, where Arthur Bispo was hospitalized longer than fifty years and produced most part of his collection. So that, looked for analyze the course developed by Bispo do Rosário Contemporary art’s museum – MBRAC, since their creation, the relationship with the space it occupies, the Colônia Juliano Moreira and their purpose of action while health institution which emerges from psychiatric reform. Therefore was necessary observes the MBRAC social function and all inclusive and educative action practiced, for this reason, along that research, were observed museum education's actions developed by Bispo do Rosário contemporary art’s museum with educational and inclusive objectives, as well as the results produced related with these actions with their public.eng
dc.description.abstractEsta pesquisa tem como objetivo refletir sobre as formas de utilização do acervo de Arthur Bispo do Rosário, pelo Museu Bispo do Rosário Arte Contemporânea, no propósito de gerar inclusão. Para que tal objetivo fosse alcançado tornou-se necessário, refletir sobre a trajetória de vida de Arthur Bispo do Rosário, de excluído da sociedade à artista consagrado mundialmente; também buscou-se conhecer a história da Colônia Juliano Moreira, local onde Arthur Bispo esteve internado por mais de cinquenta anos e produziu maior parte do seu acervo; Por isso também procurou-se analisar o percurso desenvolvido pelo Museu Bispo do Rosário Arte Contemporânea – MBRAC, desde a sua criação, a sua relação com o espaço que ocupa, a Colônia Juliano Moreira e sua finalidade de atuação enquanto instituição vinculada à saúde, e que emerge da reforma psiquiátrica. Assim foi necessário observar a função social do MBRAC e toda ação inclusiva e educativa praticada, o que motivou, por sua vez, a observação das ações de educação museal desenvolvidas pelo Museu Bispo do Rosário Arte Contemporânea com cunho educativo e inclusivo, assim como o resultado produzido na relação dessas ações com o seu público.por
dc.language.isopor
dc.subjectBispo do Rosário contemporary art’s museumeng
dc.subjectInclusioneng
dc.subjectMuseum educationeng
dc.subjectPsychiatric reformeng
dc.subjectMuseu Bispo do Rosário Arte Contemporâneapor
dc.subjectInclusãopor
dc.subjectEducação musealpor
dc.subjectReforma psiquiátricapor
dc.titleMuseu Bispo do Rosário Arte Contemporânea: um diálogo educativo e inclusivopor
dc.typeDissertationeng
dc.subject.areaHistóriapor
dc.contributor.unidadefgvEscolas::CPDOCpor
dc.subject.bibliodataMuseu Bispo do Rosário Arte Contemporâneapor
dc.subject.bibliodataPsiquiatria socialpor
dc.subject.bibliodataMuseus – Aspectos sociaispor
dc.contributor.memberSilva, Angela Moreira Domingues da
dc.contributor.memberCosta, Carina Martins


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record