Show simple item record

dc.contributor.advisorBulgacov, Sergio
dc.contributor.authorPereira, Alana Deusilan Sester
dc.contributor.otherTakahashi, Adriana Roseli Wunsch
dc.contributor.otherLacombe, Beatriz Maria Braga
dc.contributor.otherMeirelles, Dimária Silva e
dc.contributor.otherCunha, Maria Alexandra Viegas Cortez da
dc.date.accessioned2018-07-02T12:39:45Z
dc.date.available2018-07-02T12:39:45Z
dc.date.issued2018-05-28
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10438/24210
dc.description.abstractEste trabalho tem como objetivo geral propor um framework teórico-analítico que suscite reflexões sobre como as organizações podem desenvolver capacidades dinâmicas por meio da gestão de indicativos de conhecimentos. Assim, este estudo inova ao verificar empiricamente como os conhecimentos identificados no monitoramento do ambiente externo constituem em indicativos e, com isso, possibilitam criar capacidades que se adaptem às tendências e exigências do meio em que estão inseridas. Nesse contexto, tendo como marco teórico a bibliografia sobre capacidades dinâmicas, gestão do conhecimento e aprendizagem organizacional, identificou-se uma lacuna nos trabalhos publicados, visto que eles não abordam processos relativos ao conhecimento, como, por exemplo, o de seleção, priorização e monitoramento. Desse modo, a estratégia de investigação apoiou-se em uma abordagem qualitativa com o emprego do método de estudo de casos múltiplos. A coleta de dados foi realizada in loco e fez uso de múltiplas fontes de evidências com auxílio das seguintes técnicas de coleta: pesquisa bibliográfica, entrevistas semiestruturadas, análise documental e observação direta. O setor escolhido foi o de Tecnologia da Informação. No total, foram realizados cinco estudos de casos e 23 entrevistas, resultando em um material equivalente a 1.159 minutos e 781 páginas de transcrição. Para o estudo dos dados, utilizou-se como estratégia a análise em profundidade de cada caso, com o auxílio da técnica de análise de conteúdo. Os resultados do estudo indicam os principais fatores internos organizacionais que contribuem para o desenvolvimento das capacidades dinâmicas; as práticas de monitoramento dos fatores externos; os conhecimentos identificados que suscitam em indicativos; as principais práticas de gestão do conhecimento empregadas pelas empresas estudadas; as decisões e resultados obtidos por meio da utilização dos indicativos de conhecimento; a relação desses indicativos com as decisões deliberadas; e, por fim, a proposta de elaboração do framework a partir de oito proposições inéditas acerca do desenvolvimento de capacidades dinâmicas por meio de indicativos de conhecimentos. Nesse sentido, a tese contribui explicitando indícios de que as práticas identificadas oferecem importante suporte para a efetividade dos indicativos em termos da identificação da sua relevância, acompanhamento e aprendizagem, conduzindo as decisões com efeito aos bons resultados obtidos nas empresas pesquisadas. Espera-se, portanto, que a estrutura analítica e as proposições apresentadas instiguem novas investigações para desenvolvimento das teorias de gestão do conhecimento e de capacidades dinâmicas.por
dc.description.abstractThe general purpose of this work is to propose a theoretical-analytical framework that arouses reflections on how organizations can develop dynamic capacities through the management of indicative knowledge. Thus, this study innovates by verifying empirically how the knowledge identified in the monitoring of the external environment constitute indicative and, thereby, enable the creation of capacities that adapt to the tendencies and demands of the environment in which they are inserted. In such a context, having as a theoretical milestone the bibliography on dynamic capacities, knowledge management and organizational learning, a gap has been identified in the published works, since they do not deal with processes related to knowledge, such as selection, prioritization and monitoring through indicative. Therefore, the research strategy was based on a qualitative approach using the multicase study method. Data collection was performed on-site and made use of multiple sources of evidence with the aid of the following collection techniques: bibliographic research, semi-structured interviews, documentary analysis and direct observation. The chosen sector was Information Technology. In total, 5 case studies and 23 interviews were conducted, resulting in material equivalent to 1,159 minutes and 781 pages of transcription. In order to study the data, the in-depth analysis of each case was used as strategy and the content analysis technique was used. The results of the study indicate the main internal organizational factors that contribute to the development of dynamic capacities; the practices of monitoring external factors; the identified knowledge that elicits indicatives the main knowledge management practices employed by the companies studied; the decisions and results obtained through the use of indicatives of knowledge; the relationship of these indicatives with the deliberate decisions; and, finally, the framework’s proposal of elaboration from eight unpublished propositions about the development of dynamic capacities through knowledge indicatives. For that matter, the thesis makes explicit evidence that the identified practices offer important support for the effectiveness of the indicatives in terms of identifying their relevance, follow-up and apprenticeship, leading decisions to effect the good results achieved by the companies surveyed. Therefore, it is expected that the analytical structure and the propositions presented instigate new investigations for the development of theories of knowledge management and dynamic capacities.eng
dc.language.isopor
dc.subjectGestão do conhecimentopor
dc.subjectIndicativos de conhecimentopor
dc.subjectAprendizagem organizacionalpor
dc.subjectCapacidades dinâmicaspor
dc.subjectKnowledge managementeng
dc.subjectIndicatives of knowledgeeng
dc.subjectOrganizational learningeng
dc.subjectDynamic capabilitieseng
dc.titleA formação das capacidades dinâmicas por meio da gestão de indicativos de conhecimentopor
dc.typeThesiseng
dc.subject.areaAdministração de empresaspor
dc.contributor.unidadefgvEscolas::EAESPpor
dc.subject.bibliodataGestão do conhecimentopor
dc.subject.bibliodataAprendizagem organizacionalpor
dc.subject.bibliodataDesenvolvimento organizacionalpor
dc.subject.bibliodataPlanejamento estratégicopor
dc.rights.accessRightsopenAccesseng


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record