Show simple item record

dc.contributor.authorSilva, Thiago Bruno de Jesus
dc.contributor.authorCunha, Paulo Roberto da
dc.contributor.authorFerla, Rafael
dc.date.accessioned2017-10-06T14:24:20Z
dc.date.available2017-10-06T14:24:20Z
dc.date.issued2016
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10438/18925
dc.description.abstractO objetivo foi analisar a influência do excesso de confiança e otimismo gerencial sobre a estrutura de capital de firmas brasileiras aderentes a diversidade no conselho de administração. Na análise dos dados utilizou-se a estatística descritiva e da análise em painel. Os resultados demonstraram que as empresas não aderentes a diversidade no conselho de administração possuem maior excesso de confiança e otimismo gerencial no endividamento e são mais propensas a recompra de ações em tesouraria do que as firmas que possuem adesão aos mecanismos de governança corporativa (não dualidade do conselho de administração, membros externos e presença de mulheres).por
dc.language.isopor
dc.publisherCentro de Estudos em Finanças (GVcef)
dc.subjectEstrutura de capitalpor
dc.subjectExcesso de confiançapor
dc.subjectDiversidade organizacionalpor
dc.titleExcesso de confiança e otimismo sobre a estrutura de capital de firmas brasileiras com diversidade no conselho de administraçãopor
dc.typePapereng
dc.subject.areaEconomiapor
dc.contributor.unidadefgvEscolas::EAESPpor
dc.subject.bibliodataEmpresas - Finanças - Brasilpor
dc.subject.bibliodataConselhos de administradorespor
dc.subject.bibliodataComportamento organizacionalpor
dc.subject.bibliodataDiversidade no local de trabalho - Brasilpor
dc.subject.bibliodataProcesso decisório - Aspectos psicológicospor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record