Show simple item record

dc.contributorFundação Getulio Vargas. Diretoria de Análise de Políticas Públicas
dc.contributor.authorGrassi, Amaro
dc.date.accessioned2015-02-04T12:34:13Z
dc.date.available2015-02-04T12:34:13Z
dc.date.issued2014-10-17
dc.identifier.citationJornal O Globo. Rio de Janeiro, out. 2014.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10438/13186
dc.description.abstractO segundo debate do 2º turno entre os candidatos à Presidência da República, realizado ontem (16), foi marcado por discussões a respeito da Petrobras e as acusações de nepotismo dos dois lados. Discussões sobre economia e o estado de Minas Gerais, origem dos dois candidatos, também tiveram relevância nas redes. O debate foi criticado pela ausência de temas de políticas públicas e pela frequente troca de acusações entre os candidatos.por
dc.language.isopor
dc.subjectEleiçõespor
dc.subjectRedes sociaispor
dc.subjectSegundo turnopor
dc.subjectMonitoramentopor
dc.subjectMapaspor
dc.titleSegundo debate do 2º turno é marcado por menções sobre Minas Gerais, Petrobras e Nepotismopor
dc.typeArticleeng
dc.subject.areaCiência políticapor
dc.contributor.unidadefgvDemais unidades::DAPPpor
dc.subject.bibliodataEleições - Brasilpor
dc.subject.bibliodataDiscussões e debatespor
dc.subject.bibliodataRedes sociais on-linepor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record