Show simple item record

dc.contributorFundação Getulio Vargas. Diretoria de Análise de Políticas Públicas
dc.contributor.authorRuediger, Marco Aurélio
dc.contributor.authorGrassi, Amaro
dc.contributor.authorGraça, Luís Felipe G. da
dc.contributor.authorLenhard, Pedro
dc.contributor.authorNovis, Roberta
dc.date.accessioned2014-11-24T12:13:35Z
dc.date.available2014-11-24T12:13:35Z
dc.date.issued2014-11-02
dc.identifier.citationRUEDIGER, M.A. Conciliar agendas divergentes é o principal desafio do país após as eleições. Jornal O Globo, São Paulo, p. 8, 2 nov. 2014.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10438/12555
dc.description.abstractTerminada a mais acirrada disputa presidencial desde a redemocratização, a presidente Dilma Rousseff — reconduzida ao cargo por estreita margem de votos válidos — a partir de agora terá de enfrentar um desafio talvez maior que o das urnas: buscar a conciliação das duas agendas públicas colocadas pela sociedade brasileira.por
dc.language.isopor
dc.subjectEleiçõespor
dc.subjectRedes sociaispor
dc.subjectAnálise de redepor
dc.titleConciliar agendas divergentes é o principal desafio do país após as eleiçõespor
dc.typeArticleeng
dc.subject.areaCiência políticapor
dc.contributor.unidadefgvDemais unidades::DAPPpor
dc.subject.bibliodataBrasil - Política e governopor
dc.subject.bibliodataEleições - Brasil - 2014por


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record