Show simple item record

dc.contributor.advisorPereira, Luís Henrique
dc.contributor.authorGastines, Louis-Jean Macé de
dc.contributor.otherRossi, George Bedinelli
dc.contributor.otherArruda, Maria Cecilia Coutinho de
dc.contributor.otherPereira, Luís Henrique
dc.date.accessioned2013-04-25T13:14:38Z
dc.date.issued2013-03-27
dc.identifier.citationGASTINES, Louis-Jean Macé de. OMG! Characterizing the role of emotions in the sharing of online commercial videos. Dissertação (Mestrado Profissional em Gestão Internacional) - FGV - Fundação Getúlio Vargas, São Paulo, 2013.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10438/10783
dc.description.abstractGoing viral' is seen by marketers as the new grail to reach large online communities. In this viral scene, videos have a special role, given their strong tendency to spread exponentially over the internet via social sharing. Every year sees the breaking of new records for virality. In March 2012, the video 'KONY 2012' calling for united action against the eponym African militia leader, reached over 34,000,000 of views on its first day of launch. In December 2012, the 'Gangnam Style' music video became the first YouTube video to reach over a billion views, totalizing over 1.4 billion views in March 2013. Such illustrations clearly underline the new scale that the internet gave to word-of-mouth sharing. Marketers understood the fantastic lever of viral videos and tried to seize the phenomenon so as to replicate it for business purposes. This research aims at providing insights to academics and marketers on the determinants to online commercial videos sharing. The focus was set more specifically on the role of emotions in the sharing, to identify which emotions lead and how they lead to the sharing of online commercial videos. The research was conducted leveraging two scientific methods, a survey and a text-mining analysis that attributed emotions to comments from the most shared YouTube videos. The research confirms with new means a number of hypotheses previously tested and validated by Academics. It shows that positivity and strength are larger drivers for video sharing than negativity and weakness (Lindgreen and Vanhamme, 2005; Dobele et al., 2007). It also argues that video content as well as its context are very significant determinants of online video-sharing (Laskey et al., 1989; Taylor, 1999). Beyond validating existing theories, the research brought new elements to the table, notably the role of strength/weakness dimension of emotions to analyze virality, and the importance of a clear 'call to action' embedded in the video to boost its sharing. These novel concepts enrich the very quickly evolving literature on the topic and pave the way for further research.eng
dc.description.abstractSe tornar viral' é visto pelos comerciantes como o novo Graal para alcançar grandes comunidades online. Neste contexto viral, vídeos têm um papel especial dada a forte capacidade deles de se espalhar exponencialmente pela internet através do compartilhamento social. Cada ano se vê a quebra de novos recordes através deste tipo de viralidade. Em março de 2012, o vídeo 'Kony 2012' envolvendo a ação unida contra o líder de milícia Africano epônimo, atingiu mais de 34 milhões de visualizações em seu primeiro dia de lançamento. Em dezembro de 2012, o vídeo-clipe da música 'Gangnam Style' tornou-se o primeiro vídeo do YouTube a alcançar mais de um bilhão de visualizações, totalizando mais de 1,4 bilhões de visualizações em março de 2013. Tais ilustrações mostram claramente a nova escala que a internet deu ao fenômeno do boca-a-boca. Os comerciantes entenderam o potencial fantástico dos vídeos virais e tentaram aproveitar o fenômeno de modo a reproduzi-lo para fins comerciais. Esta pesquisa oferece para os acadêmicos e os profissionais de marketing uma análise dos determinantes do compartilhamento de vídeos comerciais online. Mais especificamente, o foco da dissertação foi definido sobre o papel das emoções no compartilhamento, para identificar quais delas levam e como levam à partilha de vídeos comerciais online. A pesquisa foi realizada a partir de dois métodos científicos: uma pesquisa e uma análise de texto sobre a atribuição de emoções para comentários dos vídeos mais compartilhados do YouTube. A pesquisa confirma, com novos métodos, hipóteses previamente testadas e validadas por acadêmicos. Ela mostra que a positividade e a força das emoções são determinantes de compartilhamento maiores do que a negatividade e a fraqueza (Lindgreen and Vanhamme, 2005; Dobele et al., 2007). A dissertação também argumenta que o conteúdo do vídeo, bem como o contexto são determinantes significativos de compartilhamento de vídeo (Laskey et al., 1989; Taylor, 1999). Além de validar teorias existentes, a pesquisa trouxe novos conceitos para a discussão, especialmente o papel da dimensão força / fraqueza de emoções para analisar o fenômeno viral, e a importância de uma clara 'chamada à ação' incluída no vídeo para aumentar a sua partilha. Estes novos conceitos enriquecem a literatura do tema – que evolui muito rapidamente – e preparam o caminho para futuras pesquisas.por
dc.language.isoeng
dc.subjectMarketing viralpor
dc.subjectOnline videoseng
dc.subjectTeoria de emoçõespor
dc.subjectBoca-a-bocapor
dc.subjectComportamento do consumidorpor
dc.titleOMG! Characterizing the role of emotions in the sharing of online commercial videoseng
dc.typeDissertationeng
dc.embargo.termsforevereng
dc.embargo.liftdate10000-01-01
dc.subject.areaCiência políticapor
dc.contributor.unidadefgvEscolas::EAESPpor
dc.subject.bibliodataMarketing na internetpor
dc.subject.bibliodataPropaganda na internetpor
dc.subject.bibliodataMarketing viralpor
dc.subject.bibliodataComportamento do consumidorpor
dc.subject.bibliodataEmoçõespor


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record